Vejam um ciclista, ele gosta de ajudar as pessoas e de preservar a natureza

Olá Visitante
 



 
Artigos

As Comissões Rebas
Novidades 2007

Há pouco mais de dois anos, no início de 2005, a Coordenação do Grupo Rebas do Cerrado decidiu acatar um movimento que sempre existiu em nosso meio: a manifestação espontânea das pessoas que querem contribuir com o Grupo visando melhorias nos nossos eventos.

Criamos na ocasião, quatro comissões de trabalho. Uma para dar conta das comunicações institucionais, outra para dar conta de eventuais questões jurídicas que nos envolvêssemos, pois, apesar de assumirmos a identidade de um “grupo de amigos”, não somos pessoa jurídica, tínhamos idéias de assumirmos o status de ONG. Também surgiu a comissão de segurança para pensar especificamente na segurança das trilhas e, por fim a comissão de trilhas.

Com exceção da comissão de trilhas, nenhuma das comissões vingou por um motivo ou outro, mas principalmente em razão de uma particularidade no Grupo que ao mesmo tempo em que é benéfica às vezes repercute em prejuízo. Esta particularidade é a movimentação das pessoas. Às vezes podemos contar 100% com alguém, depois de pouco tempo esta pessoa necessita se afastar do grupo e não continua uma ação iniciada. Enfim, o benefício deste movimento é o espaço dado às novas pessoas que chegam. O prejuízo, nem necessitamos apontar. Mas esta é a realidade do grupo, sempre podemos contar com os membros para coisas grandes. O retorno vem quando necessitamos do apoio geral, mas os trabalhos específicos acontecem e vão acontecer com o revezamento de um grupo pequeno.

A Comissão de Trilhas Rebas
O trabalho desta comissão se desenvolveu muito desde 2005. As atividades centrais no início que se concentravam nas visitas prévias às trilhas, para o reconhecimento e a sinalização com cal ou fita zebrada e algumas poucas iniciativas de inovações em trilhas, se transformaram.

Num primeiro momento uma grande mudança foi a contribuição do membro João Paulo, conhecido por JP que foi a PNR – Planilha de Navegação Rebas. Uma invenção tomada de empréstimo de práticas de orientação de trilhas de moto, se tornou uma ferramenta fundamental para a segurança no acompanhamento ao grupo ao longo dos eventos. Com a PNR as pessoas têm autonomia para o controle do percurso e dependem menos da coordenação das pessoas que puxam as trilhas. É “Show de Bola”. Uma PNR é trabalhosa para fazer, mas uma vez elaborada, está pronta para qualquer pessoa utilizar sendo do grupo ou não, pois, ficam disponíveis em nosso Site.

Após isso chegamos ao momento atual. Esta comissão desde o início do ano vem inovando, criando novos percursos e concretizando as ofertas de padrinhos Rebas de trilhas, gente do grupo que oferece alguma novidade. A comissão se mobiliza, vai até o local, reconhece o trecho, equilibra o calendário (necessitamos sempre de trilhas de todos os níveis – fáceis, médias e difíceis), valida a trilha, elabora a planilha e oferece ao Grupo.

A Comissão Atual de Trilhas
Com o Rebão Marcelino sempre à frente, temos hoje a seguinte formação: Victor Lapidus, Marcelo Farias (Mumunhas), João Paulo (JP), Eduardo Burgel, Márcio Bittencourt, Fábio Malaguti (Bauru), Adolfo Gonçalves e a estagiária Rívia Greice.

O Sucesso em 2007
Vale destacar o "estrago" que uma galera pilhada vem fazendo.

Adolfo Gonçalves, Márcio Bittencourt, estagiária Rívia Greice, Edu Burgel e Fábio Malaguti (Bauru)

São os membros da comissão - Eduardo Burgel, Márcio Bittencourt, Fábio Malaguti (Bauru), Adolfo Gonçalves e a estagiária Rívia Greice.(ver foto)

Eles mapearam e já ofertaram para o grupo e para a sociedade mountainbikense de Brasília nada mais, nada menos de 7 trilhas em 2007 e não efetivou mais trechos por falta de calendário (datas) porque trilhas na manga eles têm.

Confiram as trilhas novas:
- Morro dos Pinheiros
- Rio Verde
- Bomtempo
- Salto
- Tatu-Flona (nov)
- Leão Bikes (nov)
- Burle Max (dez)

É isso.

Só devemos um sonoro PARABÉNS para esta moçada incansável e extremamente motivada para contribuir com Grupo e os agradecimentos formais, informais, carinhosos, sinceros, de toda a comunidade Rebas.

Janice Pereira
Coordenação Rebas do Cerrado

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site
Webdesigner: Débora Alves

A primeira versão deste site foi construída por Eliézer Roberto Pereira , Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado que infelizmente nos deixou em dezembro de 2004.

Posteriormente o nosso amigo Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos, desenvolveu com dedicação ímpar uma nova versão. Marcelino faleceu em julho de 2013 e além do site deixou entre outros legados importantes a padronização dos procedimentos de operacionalização e condução dos eventos Rebas.

Mantemos a página principal o mais próximo possível do desenho original em homenagem aos dois fundadores.

As marcas Rebas® e Rebas do Cerrado®, bem como o logotipo® do grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), com todos os Direitos Reservados.