Vejam um ciclista, ele gosta de ajudar as pessoas e de preservar a natureza

Olá Visitante
 



 
Depoimentos



Autor: Marco Antônio
Data: 10Out2007
Fonte: E-mail

Título: Iron Biker 2007

Querida Janice,

concordo com você que a participação no Iron foi uma experiência incrível, sobretudo pela união dos amigos Rebas, e pela alegria de pertencer a esse grupo extraordinário. Decidi ir ao Iron Biker na última hora, última hora mesmo, tipo 2 dias antes de começar o evento,

liguei para a Débora para receber a sua tradicional carga de otimismo e alta astral, bem como pegar dicas sobre o evento. Viajei junto com a diretoria do Rebas, que por sinal foi muitíssima agradável, e nos separamos em Ouro Preto, pois a pousada em Mariana onde os demais Rebas estavam hospedados já não oferecia vagas de última hora. Não posso deixar de citar algumas coisas notáveis que percebi nesses dias, tais como a competição de sexta-feira, na qual a elite do MTB disputava nariz a nariz, nas subidas das ruas Direita e do Ouvidor, com Coroão e Catraquinha", na maior velocidade, quem estava mais preparado para o desafio. Só vendo de perto para entender o que significa a palavra garra e superação. Participei apenas do dia de sábado (75 Km de morros), pois tinha que trabalhar na segunda-feira. Nesse sábado vi um atleta raçudo, que tinha apenas uma perna, dando tudo de si e cumprindo o percurso com muita energia, isso tocou bastante minha vontade de fazer os 100% do percurso do primeiro dia. Presenciei uma Tanden do projeto DV na trilha, mandando bem naquela agonia de subir e descer morro repetidas vezes, bem como me diverti bastante com as piadas no Sérgio Mr. Dart e do Inaldo, que ficavam tagarelando coisas engraçadas sempre que nos encontrávamos. Completei apenas o dia de sábado, incluindo uma "caroninha básica" no Buzu do evento, para me adiantar uns 3 Km e poder terminar a trilha final antes da escuridão total. Conclui o percurso lá pelas 18h30, noite escura, morto de cansado, com as pernas picadas de mosquito, mas extremamente feliz em ter tido coragem de participar desse evento, e de ter passado pelos desvios de 40% e 60% e ter continuado para tentar os 100%. Só entende a energia do Iron quem participa dele.

Acho que essa experiência ficará na minha lembrança para sempre.

Muito obrigado amigos Rebas pela acolhida, muito obrigado amiga Débora pelo otimismo, saiba que isso opera milagres!

Um grande abraço a todos os amigos Rebas.

Marco Antonio

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site
Webdesigner: Débora Alves

A primeira versão deste site foi construída por Eliézer Roberto Pereira , Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado que infelizmente nos deixou em dezembro de 2004.

Posteriormente o nosso amigo Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos, desenvolveu com dedicação ímpar uma nova versão. Marcelino faleceu em julho de 2013 e além do site deixou entre outros legados importantes a padronização dos procedimentos de operacionalização e condução dos eventos Rebas.

Mantemos a página principal o mais próximo possível do desenho original em homenagem aos dois fundadores.

As marcas Rebas® e Rebas do Cerrado®, bem como o logotipo® do grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), com todos os Direitos Reservados.