Vejam um ciclista, ele gosta de ajudar as pessoas e de preservar a natureza

Olá Visitante
 



 
Depoimentos



Autor: Sérgio Dart
Data: 19Maio2008
Fonte: E-mail

Título: Superando Limites V

Parabéns ao Bittencourt pela organização, me senti tão seguro que no primeiro PC deixei Camelback, bolsinha de guidon, até dinheiro e fui embora só com uma Caramanhola de água com a garantia do Carlão se faltasse ele me daria um golinho da dele. Não precisei. De brinde o Ari ainda me pagou uma CERVA no primeiro PC.

VALEU ARI !!!

Já fiz esse trecho 3 vezes, sempre com alguns amigos, mas com o Rebas foi a primeira vez. Confesso que arrepia ver o "TAMANHO" do negócio, 4 Ônibus lotados de ciclistas, 2 caminhões com quase R$ 1.000.000,00 em Bikes... É muita responsabilidade.

Tudo foi perfeito, desde aos PCs bem colocados até o cuidado com as bicicletas (Minha Jurema foi colocada no caminhão como se fosse um bebê), inclusive a pontualidade.

Não podemos esquecer também das outras pessoas que deram seu suor pelo evento, como o pessoal da Ciclotrilhas que estavam no PC3, da Janice (Off course) que teve que beber água quente a semana toda porque a geladeira tava lotada de mixirica, do Antônio (Bike Teck) que pedalava e consertava as bikes, os guias das ondas no final da trilha, do pessoal da cozinha que não deixou ninguém pra trás, da Veronique que emprestou a casa para o congresso técnico, do pessoal dos PCs (Ari, Kátia, Mumunhas, etc)...

Parabéns a todos os organizadores e a todos os pedalantes que superaram seus limites. Aqueles que porventura não conseguiram basta treinar um pouquinho e ter paciência. No ano passado tentei o Audax 300km 2 vezes e não consegui. Neste ano treinei um pouco e foi.

Minha única reclamação:

A Cerveja estava quente no congresso técnico e mesmo saindo de lá as 3hs da manhã não conseguimos acabar com elas. Onde estão???????? Vamos bebê-las?

Abraços

Sérgio Dart

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site
Webdesigner: Débora Alves

A primeira versão deste site foi construída por Eliézer Roberto Pereira , Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado que infelizmente nos deixou em dezembro de 2004.

Posteriormente o nosso amigo Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos, desenvolveu com dedicação ímpar uma nova versão. Marcelino faleceu em julho de 2013 e além do site deixou entre outros legados importantes a padronização dos procedimentos de operacionalização e condução dos eventos Rebas.

Mantemos a página principal o mais próximo possível do desenho original em homenagem aos dois fundadores.

As marcas Rebas® e Rebas do Cerrado®, bem como o logotipo® do grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), com todos os Direitos Reservados.